QUEM É A DIREITA NA BAHIA?

QUEM É A DIREITA NA BAHIA?

Quem faz parte da Direita baiana?


Em processos de análise, as perguntas são a alma do negócio e da solução de problemas. O mundo exige respostas, exige ação, mas se não soubermos realizar as perguntas necessárias, e da forma correta, certamente trocaremos os pés pelas mãos e qualquer resposta dada será em vão e, em muitos casos, tornará pior o que já está ruim.


A pergunta que encabeça o título desse artigo parece simples, mas não é. E vou lhe explicar a razão. Se fizéssemos essa pergunta em 2018, certamente uma das respostas iria incluir nomes como a da deputada federal Dayane Pimentel. Entretanto, ao realizarmos a mesma pergunta no ano de 2021, obviamente, a deputada do “abraço imaginário” não se enquadraria nas possíveis respostas apresentadas. O que mudou então de 2018 para 2021? A percepção ampliada do que é política, como se faz política e dos valores que fazem parte daquilo que chamamos de Direita.


Com o acirramento ideológico e a polarização do debate público, a política virou entretenimento, transformou o eleitor em torcedor e a paixão tomou conta dos posicionamentos individuais e políticos. Se você for em uma mesa de bar, será mais fácil ouvir conversas sobre política do que sobre futebol, o que mostra que a nova paixão nacional não decide o jogo no campo, mas nas urnas.


Comecei a me interessar por política na época dos R$ 0,20 e das manifestações pelo Passe Livre, no ano de 2013. De lá para cá, quase uma década depois, muita coisa mudou e a ascensão da Direita e, em especial, dos Conservadores é algo inquestionável e crescente e não se ver uma luz no fim do túnel para o fim de toda essa guerra política em vigor no Brasil e no mundo. 


Sabendo disso, você Direitista, precisa aprender com o passado, honrando a Tradição, para evitar repetir os mesmos erros e não eleger traidores e oportunistas na eleição de 2022. Se na eleição de 2018, o foco era o Executivo, o aprendizado do primeiro mandato do Presidente Bolsonaro nos ensinou que de nada adianta ter o Palácio do Planalto nas mãos, sem ter um legislativo alinhado ideologicamente. Somente com um legislativo alinhado ideologicamente é que o famoso balcão de negócios e as articulações necessária para se ter governabilidade, em nosso presidencialismo de coalizão, tornam-se menos necessárias. 


Precisamos eleger a maior bancada conservadora da nossa história e, aqui, indico alguns nomes. Já peço desculpas, antecipadamente, por não incluir todos os nomes, pois a lista seria imensa. A Bahia tem 417 municípios só para lembrarmos do quão grande somos. Farei apenas o registro dos principais nomes da Direita na Bahia.



PRÉ-CANDIDATOS A GOVERNO DO ESTADO



Alexandre Aleluia


Alexandre Aleluia é o único vereador conservador de Salvador/BA e um dos poucos políticos baianos a ter aproximação com o próprio Presidente Bolsonaro. Apesar de não ter se posicionado claramente como pré-candidato ao governo do estado, o coloco nessa posição devido o deputado federal Eduardo Bolsonaro afirmar que Aleluia é um dos nomes a se pensar na Bahia para 2022. Aluno do professor Olavo de Carvalho de longas datas, Aleluia se posiciona como conservador desde que esse nome ainda era um tabu na sociedade brasileira, sendo um visionário e dos precursores do que chamamos hoje de Direita. Forte defensor da Tradição e do homem real, Aleluia é um bom candidato para quem gosta de estudar a Guerra Cultural. 



Dra. Raissa Soares


A Dra. Raissa Soares fez um corajoso trabalho à frente da Secretaria de Saúde da Cidade de Porto Seguro no combate ao COVID-19. Conhecida como “Dra Cloroquina”, por defender o tratamento precoce, alinhando-se ao posicionamento dos médicos que juraram salvar vidas e ao Presidente Bolsonaro, está sendo perseguida hoje por seguir o juramento da sua profissão. Apesar dela não ter se posicionado como pré-candidata á Governo do Estado, sua militância, extremamente forte e engajada (se não for a mais forte da Bahia), fez este serviço muito bem feito. Em entrevista recente no Brado Jornal, a Dra. Raissa se mostrou bem antenada com o que acontece no estado da Bahia e demostrou possuir uma bagagem profissional e intelectual necessárias para concorrer ao Palácio de Ondina em 2022. Sua capacidade de construir organicamente uma militância a torna um nome forte para a Direita na próxima eleição.



David Salomão


Dos quatro pré-candidatos ao Governo do Estado que apresentarei neste artigo, o David Salomão é o único que afirma ter pretensões de disputar a cadeira do Palácio de Ondina em 2022. De todos os pré-candidatos baianos, certamente, ele é o mais combativo e corajoso. Com postura firma, tece críticas contundentes ao Governador do Estado da Bahia, o sr. Rui Costa, bem como aos Ministros do STF, Ministro Barroso e Alexandre de Moraes. Nem mesmo o Presidente Bolsonaro escapa dos seus duros discursos. Com o slogan, “Só Deus Cala essa Voz”, David Salomão protagonizou muitos combates a favor do povo baiano, em especial, o de Vitória da Conquista, lutando contra a imposição do lockdown, fechamento do comercio e tirania crescente em nosso Estado. Quem gosta de políticos combativos e com coragem de enfrentar o sistema encontrará no David Salomão a pessoal ideal para votar nas próximas eleições. 


João Roma


Rodeado de dúvidas e questionamentos por uma parte da Direita, em razão do seu passado político no qual era aliado de ACM Neto, João Roma entra nessa lista por ser o nome dado pela família Bolsonaro para atuar politicamente no Estado da Bahia em nome do Governo Federal. Citei família Bolsonaro, pois além do próprio Presidente da República dizer explicitamente que João Roma é o homem dele na Bahia, o próprio deputado federal, Eduardo Bolsonaro já ponderou a possibilidade do atual Ministro da Cidadania concorrer ao Governo do Estado. Para completar, a Primeira Dama, Michele Bolsonaro, costuma curtir as postagens de trabalho do Ministro nas redes sociais, o que evidencia mais um elo de aproximação política. Nos últimos meses, o Ministro João Roma tem lapidado o discurso, se aproximando de lideranças de Direita pelo interior da Bahia, o que tem começado a agradar parte do eleitor bolsonarista que começa a olhá-lo com outros olhos. Entretanto, o próprio Ministro ainda não afirmou a sua pré-candidatura ao Governo do Estado para 2022.  



PRÉ-CANDIDATOS A DEPUTADO FEDERAL


Capitão Alden


Eleito em 2018 na onda bolsonarista e com apoio da Tropa da PMBA, o Capitão Alden manteve-se firme e leal ao Presidente Bolsonaro e aos ideais que foram vitoriosos na última eleição para o legislativo estadual. O único deputado conservador na ALBA e o maior combatente do Governador do Estado da Bahia, o Sr. Rui Costa, o deputado estadual Capitão Alden protagonizou cenas extremamente importantes e valiosas para o povo baiano durante a pandemia do COVID-19. Denunciou contratos milionários do Consórcio Nordeste à PGR, incluindo o caso dos respiradores, fazendo com que os mesmos fossem suspensos, colocando o Governador do Estado, o sr. Rui Costa, como alvo de investigações federais. Sem falar na sua atuação fiscalizadora que acelerou a abertura do Hospital Metropolitano, ampliando a oferta de leitos de UTI no Estado. Sua postura combativa fez com que o “sistema” o retaliasse, colocando-o como alvo no Conselho de Ética, na tentativa de cassar-lhe o mandato. Como as acusações contra o deputado bolsonarista eram frágeis, tudo indica que acabarão dando-lhe uma suspensão de 30 dias só para justificarem todo o espetáculo construído. Recentemente, o Capitão Alden fechou uma parceria com o Soldado Prisco, projetando-o de deputado estadual para deputado federal em favor da Tropa da PMBA. Como a principal pauta política da próxima eleição é segurança pública, o Capitão da PM e deputado estadual conservador encontrasse diante de uma valiosa janela de oportunidade para sua ascensão na política, para o bem da Bahia e do Brasil. Forte defensor da Liberdade, do direito à legítima defesa e posse/porte de arma, Capitão Alden é um excelente candidato para quem gosta da pauta armamentista e de segurança pública.



PRÉ-CANDIDATOS A DEPUTADO ESTADUAL



Leandro de Jesus


Estando sempre presente nas manifestações e, na maioria das vezes, liderando-as, Leandro de Jesus é uma das maiores apostas da Direita para o legislativo baiano em 2022. Advogado e combatente ferrenho da esquerda e, em especial, do Governador do Estado, o sr. Rui Costa, Leandro fundou o Instituto Bahia Conservadora e tem dado uma grande contribuição à Direita organizando carreatas e manifestações, mesmo quando ninguém queria sair as ruas. Com discurso forte e muita coragem, Leandro já protagonizou grandes críticas e embates contra o governo petista. Recentemente alinhou seu discurso com o Ministro João Roma, em alinhamento com o Presidente Jair Bolsonaro, visando derrotar a esquerda em 2022.



Cezar Leite


Ex-vereador de Salvador/BA e terceiro lugar na disputa pela Prefeitura de Salvador em 2020, Cezar Leite é o candidato a deputado estadual mais experiente da Direita baiana. Cezar lidera as manifestações de rua desde a época do Fora Dilma, o que o elegeu vereador de Salvador em 2016. Sem falar que fez um trabalho brilhante frente à Câmara dos Vereadores e agora se prepara para fazer a diferença na ALBA. Cezar é o candidato que mais incomoda o ACM Neto e tem viajado o interior baiano para apresentar o conservadorismo e os ideias de uma Bahia nova para muitos irmãos. Cezar vem construindo uma história muito bonita dentro do movimento conservador, recentemente tem feito um trabalho de união do povo evangélico em prol das pautas conservadoras na política, sendo o vigoroso defensor da Liberdade e a Fé.



Tenóbio (Gabriel Bandarra)


Fenômeno na internet por conta das denúncias realizadas de forma irreverente, Gabriel Bandarra, conhecido como Tenóbio, é um dos nomes que mais cresce dentro da Direita na Bahia. Vereador da cidade de Lauro de Feitas/BA, ferrenho combatente da prefeita Moema Gramacho 

(PT), o Tenóbio tem rodado a Bahia inteira realizando inúmeras denúncias de desvio e descaso com o uso do dinheiro púbico. Com denúncias e críticas extremamente inteligentes, Tenóbio chama os atos irregulares cometidos por agentes públicos de “sapequices” e isso leva a população aos risos a medida em que leva desespero aos corruptos e incompetentes. A população baiana já conhece o Tenóbio e sabe que, quando ele chega, é sinal de que algo podre será revelado. Esse brilhante trabalho jornalístico já lhe rendeu inúmeras agressões e ameaças de morte, mas o vereador, que não se deixa intimidar, segue firme na sua luta de fiscalizar e denunciar os abusos cometidos por agentes públicos.



Na minha visão, esses são os principais nomes da Direita baiana na disputa eleitoral para 2022. Infelizmente o número de pretensos representantes da Direita são poucos e isso só evidencia o quanto de trabalho ainda temos pela frente. Precisamos gastar energia para unir e formar uma Direita que possua as competências necessárias para transformar o Brasil e varrer o comunismo da nossa nação.