Apresentadora discorda ao vivo de PM e afirma: "nós temos uma boa legislação"

Em determinado momento da entrevista, a apresentadora interrompe a fala do PM e afirma: "coronel, nós temos uma boa legislação. O que sinto é que falta trabalho de investigação",
28.set.2021 às 19h50
Atualizado: 28.set.2021 às 19h53
Apresentadora discorda ao vivo de PM e afirma:

Em mais um flagrante da crescente criminalidade nas ruas de Salvador, um motorista gravou jovens sendo assaltados no centro da capital baiana. O fato foi pauta do 'BA TV', principal jornal na hora do almoço transmitido pela Rede Bahia, afiliada da Globo no estado.

A apresentadora Jessica Senra estava entrevistando um policial militar que explicava o ocorrido no programa. Conforme o agente de segurança ao vivo, "a falta de legislação é o principal problema porque o criminoso é preso e poucas horas depois é solto", afirmou o policial.

Em determinado momento da entrevista, a apresentadora interrompe a fala do PM e afirma: "coronel, nós temos uma boa legislação. O que sinto é que falta trabalho de investigação", disse.

Assista:

Veja Também
André Porciuncula será entrevistado no programa Pânico nesta sexta-feira (26)
Chamado de "capitão cultura", André é o principal alvo da esquerda devido seu posicionamento conservador no comando da pasta.
STJ anula decisões contra Flávio Bolsonaro no caso das “rachadinhas”
No primeiro grau, o caso foi comandado pelo juiz Flavio Itabaiana, da 27ª Vara Criminal do Rio.
Mulher é enganada com decoração de Halloween e aciona bombeiros por cadáver falso
Ao chegarem no local, socorristas viram que tratava-se de uma 'travessura'
Covid-19: Rússia registra recorde de mortes e Alemanha tem situação ‘dramática’
'Não é tarde demais para optar por uma primeira vacina', disse Angela Merkel a um congresso de prefeitos de cidades alemãs
Passaporte sanitário para servidores será decretado esta semana, diz Rui
Rui citou outros países que instituíram medidas parecidas com a que ele deve adotar.
Governador da Bahia anuncia que servidores só poderão trabalhar se tiverem as duas doses da vacina contra Covid-19
A mesma medida vale para empresas terceirizadas e a medida deve ser publicada ainda nesta semana no Diário Oficial do Estado (DOE).