Lira aumenta auxílio-moradia dos deputados a poucos dias da eleição para presidência da Câmara

Benefício terá reajuste de 56%, passando de R$ 4.253 para R$ 6.654; político é favorito na disputa pelo comando da Casa
Por: Brado Jornal 25.jan.2023 às 14h41
Lira aumenta auxílio-moradia dos deputados a poucos dias da eleição para presidência da Câmara
Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PL-AL) - Divulgação
Os deputados federais vão começar a nova legislatura em fevereiro com aumento de 56% no valor do valor auxílio-moradia. O benefício passa de R$ 4.253 para R$ 6.654. O aumento foi concedido pelo presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), que busca a reeleição na função. Atualmente, a Câmara tem 432 apartamentos funcionais. Os parlamentares que não fazem uso dos imóveis têm direito a receber o auxílio. O valor pode ser pago em espécie e, nesse caso, está sujeito a desconto do Imposto de Renda, com a alíquota de 27,5% ou reembolso de despesa, quando o deputado apresenta nota fiscal de hotel ou contrato de locação e recibo de aluguel. Nessa opção, o valor fica isento de imposto de renda. O aumento do auxílio ocorre a cerca de uma semana da eleição da nova Mesa Diretora da Câmara dos Deputados.

No dia 1º de fevereiro, o novo Congresso toma posse e, a partir disso, começa a organização interna e administrativa do parlamento, que tem como primeiro passo a eleição dos presidentes da Câmara e do Senado Federal. Para sua reeleição, Lira já tem apoio de 16 partidos. Por enquanto, o único adversário dele é o deputado Chico Alencar (PSOL-RJ). Pelas redes sociais, Alencar explicou que a candidatura dele é para marcar posição e disse que Lira empoderado, com quase 500 votos, terá um centrão fortalecido como nunca, além de uma vida mansa para parlamentares que apoiaram a tentativa de golpe e foram escudo para o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) no Legislativo. Já no Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), que também quer continuar ocupando a vaga de presidente, enfrentará uma disputa um pouco mais acirrada, apesar de ser o favorito. O senador eleito Rogério Marinho (PL-RN) lançou candidatura ao posto e tem conversado com parlamentares. O favoritismo de Pacheco se dá porque ele tem conseguido consolidar apoios. Nesta semana, senadores do PDT, junto com o presidente da legenda Carlos Lupi, declararam apoio à reeleição de Pacheco.


📲 Baixe agora o aplicativo oficial da BRADO
e receba os principais destaques do dia em primeira mão
O que estão dizendo

Deixe sua opinião!

Assine agora e comente nesta matéria com benefícos exclusivos.

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar nesta matéria!

Carregar mais
Carregando...

Carregando...

Veja Também
Jogadores do Uruguai são punidos pela Fifa por confusão na Copa
Comitê Disciplinar suspendeu quatro atletas por incidentes ocorridos após jogo contra Gana
Padilha: governo Lula vai criar conselho permanente
Após reunião do presidente com governadores, ministro detalhou iniciativa para discussão de temas entre prefeituras, governos estaduais e Planalto
Lula se reúne com Pacheco na véspera de encontro com senadores do PT para definir cargos na direção do Senado
O encontro ocorre na véspera de uma outra reunião em que integrantes do PT devem discutir com Pacheco a distribuição de cargos na Mesa Diretora da Casa
Temer reage a falas de Lula sobre golpe: "Sei lidar com bandido"
“Se houve golpe e se eu sou golpista, então a nomeação de Alexandre de Moraes também é ilegítima”, disse o emedebista.
Dino entrega a Lula “pacote da democracia” e propõe Guarda Nacional no DF
As medidas devem ser enviadas ao Congresso em fevereiro, segundo o ministro.
STF pode ‘anular’ eleição de deputados
Mandato de sete parlamentares está em jogo
Carregando..