Bahia visita o lanterna América-MG em jogo de vida ou morte no Brasileirão

Na briga para escapar do rebaixamento a duas rodadas do fim, Esquadrão enfrenta o último colocado da Série A
Por: Brado Jornal 03.dez.2023 às 10h02
Bahia visita o lanterna América-MG em jogo de vida ou morte no Brasileirão
Bahia fará jogo decisivo contra o América-MG pelo Brasileirão. Crédito: Letícia Martins/EC Bahia

Faltando apenas duas rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, o relógio se torna cada vez mais um inimigo do Esquadrão, que precisa urgentemente voltar a vencer se quiser permanecer na elite do futebol nacional

O destino tricolor para a temporada 2024 será definido diante de dois rivais mineiros.

Primeiro, o Esquadrão encara o América-MG, neste domingo (3), às 18h30, no estádio Independência, em Belo Horizonte. Depois, fecha sua participação na edição 2023 do torneio diante do Atlético-MG, na quarta-feira, às 21h30, na Arena Fonte Nova.

Sobrevivência é o objetivo nesta reta final. Mas o Bahia não depende apenas das próprias forças para conquistar a missão. A dolorosa derrota de 1x0 para o São Paulo, na rodada passada, com gol marcado aos 51 minutos do segundo tempo, fez a equipe do técnico Rogério Ceni também precisar de uma combinação de resultados para escapar. E o rebaixamento já pode acontecer neste fim de semana.

O desastroso cenário pode acontecer se o tricolor perder para o lanterna da competição. Mas não para por aí. Os visitantes Santos e Vasco também teriam que vencer, respectivamente, Athletico-PR (em Curitiba) e Grêmio (em Porto Alegre). Todos os três jogos acontecem de forma simultânea.

Se os resultados combinarem, o Bahia cai para a segunda divisão com uma rodada de antecedência. Isso porque o Esquadrão, hoje na 17ª colocação com 41 pontos, só chegaria a um máximo de 44, enquanto o cruzmaltino já teria 45 e o Santos, 46. Para não deixar a situação ainda mais delicada, é preciso buscar o triunfo a todo custo.

“A gente precisa ganhar os dois jogos. Mas o mais importante é esse de domingo, fora de casa. A única coisa que nos interessa são os três pontos. Vamos pelo triunfo. Certeza que temos totais condições de sair dessa situação. Óbvio que agora a gente depende de alguns resultados, que eu acredito que vão acontecer. Mas a gente tem que ir lá buscar e ganhar. Estamos motivados. É resiliência”, disse o atacante Everaldo, confiante.

O América-MG, por sua vez, não tem muito interesse nessa reta final. Com 21 pontos, o Coelho ocupa a lanterna do Brasileirão, sem chances de mudar de colocação. Foi, inclusive, a primeira equipe rebaixada no campeonato de 2023, há quatro rodadas.

Quando entrar em campo, o adversário terá completado três meses sem ganhar. A última vitória foi no dia 3 de setembro, com o 2x0 sobre o Santos, no mesmo estádio Independência. De lá para cá, cinco empates e dez derrotas. Apesar de encarar um América-MG em péssima campanha e que apenas cumpre tabela, Everaldo pregou respeito.

“Cada jogo do Campeonato Brasileiro é difícil. Não é porque o América-MG foi rebaixado que eles vão baixar a guarda nesses dois últimos jogos. Futebol profissional não é assim. A gente tem que estar focado, confiante e determinado a chegar lá e ganhar o jogo. Não vai ser um jogo fácil, o time do América-MG tem suas qualidades. Mesmo perdendo, eles sempre venderam caro as derrotas. A gente tem que pensar e demonstrar que pode ganhar”, falou.

Escalação

O atacante, inclusive, deve voltar ao time titular. Ele esteve à disposição para enfrentar o São Paulo, após cumprir suspensão na rodada anterior. Mas Rogério Ceni optou por manter o onze inicial que goleou o Corinthians, sem um centroavante de referência e com três zagueiros. A formação, porém, não repetiu a ótima atuação e o time só criou boas chances quando o camisa 9 entrou na etapa final.

Sem contar com o volante Yago Felipe, que está suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Ceni deve voltar com o esquema de 4-4-2, recolocando o camisa 9 em campo. Ainda para o confronto, o atacante Ademir é dúvida, por dores no ombro.

Um possível Bahia para encarar a equipe mineira tem: Marcos Felipe, Gilberto, Kanu, Vitor Hugo e Camilo Cándido (Luciano Juba); Rezende, Acevedo, Thaciano e Cauly; Biel e Everaldo.



📲 Baixe agora o aplicativo oficial da BRADO
e receba os principais destaques do dia em primeira mão
O que estão dizendo

Deixe sua opinião!

Assine agora e comente nesta matéria com benefícos exclusivos.

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar nesta matéria!

Carregar mais
Carregando...

Carregando...

Veja Também
Chegou o momento da libertação, diz Michelle
Ex-primeira-dama afirma que Bolsonaro sofre “ataques” e “injustiças” por ter escolhido como lema “Deus acima de todos”
Em 2024, Bahia mantém 100% das escolas estaduais com acesso à água potável
Foram anunciados novos investimentos superiores a R$ 1,1 bilhão em infraestrutura e em projetos que já estão sendo implementados para melhorar ainda a qualidade de vida
Carregando..