STF condena ex-senador Fernando Collor

Ministros vão decidir a pena a ser aplicada ao ex-parlamentar e a outros envolvidos no caso
Por: Brado Jornal 25.mai.2023 às 16h25
STF condena ex-senador Fernando Collor

O Supremo Tribunal Federal (STF) condenou, nesta quinta-feira (25), o ex-presidente e ex-senador Fernando Collor de Mello. A Corte entendeu que Collor cometeu crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Na sessão desta quinta, a presidente Rosa Weber apresentou seu voto. Os outros ministros já haviam votado.

O próximo passo é a definição da pena a ser aplicada. Relator do caso, o ministro Edson Fachin sugeriu mais de 33 anos de prisão, além da aplicação de multa, pagamento de indenização por danos, perda de bens relacionados ao crime e proibição do exercício de função pública.

Para a definição da pena, o plenário vai ter que analisar se Collor será enquadrado em um terceiro crime -- de associação criminosa, como proposto pelo ministro André Mendonça; ou de organização criminosa, como proposto pelo relator.

Quatro ministros se alinham ao posicionamento do relator sobre organização criminosa: Luís Roberto Barroso, Cármen Lúcia, Luiz Fux. Nesse ponto, os ministros Dias Toffoli e Rosa Weber votaram com Mendonça.

Se a punição for superior a 8 anos, Collor deverá iniciar o cumprimento da condenação em regime fechado, ou seja, na prisão.




📲 Baixe agora o aplicativo oficial da BRADO
e receba os principais destaques do dia em primeira mão
O que estão dizendo

Deixe sua opinião!

Assine agora e comente nesta matéria com benefícos exclusivos.

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar nesta matéria!

Carregar mais
Carregando...

Carregando...

Veja Também
O que eu busco é a pacificação, é passar uma borracha no passado, diz Bolsonaro em discurso
Em discurso, negou a tentativa de golpe. Manifestação ocupou 6 quarteirões da avenida
Há infiltrados desrespeitando nosso ato pacífico, diz Flávio Bolsonaro
Multidão se concentra na avenida Paulista para manifestação a favor de Bolsonaro
Roma diz que povo está unido em apoio a Bolsonaro
Ao lado do organizador do evento, o pastor Silas Malafaia, João Roma destacou que “todo o poder emana do povo, que está unido em apoio ao nosso capitão Jair Bolsonaro"
Chegou o momento da libertação, diz Michelle
Ex-primeira-dama afirma que Bolsonaro sofre “ataques” e “injustiças” por ter escolhido como lema “Deus acima de todos”
Alexandre Moreira exalta ato pró-Bolsonaro na Avenida Paulista: ‘Pacífico e ordeiro’
Alexandre Moreira é pré-candidato a vereador em Salvador e compartilha das mesmas ideias políticas do ex-presidente da República
Roma considera histórico dia em defesa da democracia e liberdade
Presidente estadual do PL confirmou a vinda de Bolsonaro a Bahia em março
Carregando..