Para PGR, Estado é responsável por morte em ação policial

Augusto Aras afirmou que ausência de perícia conclusiva para identificar origem do disparo não afasta dever estatal de reparar danos
Por: Brado Jornal 31.mar.2023 às 17h25
Para PGR, Estado é responsável por morte em ação policial
FOTO: ROSINEI COUTINHO/SCO/STF

O Estado deve ser responsabilizado pela morte de vítimas de arma de fogo quando o disparo ocorrer durante operação policial ou militar em comunidade, mesmo se a perícia sobre a origem do disparo for inconclusiva. É o que defendeu o procurador-geral da República, Augusto Aras (foto), no Supremo Tribunal Federal (STF).

O parecer diz respeito a ação movida por familiares de um homem de 34 anos que morreu após ser atingido, dentro de casa, por um projétil de arma de fogo durante ação militar no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro, em 2015. Na ação, os pais da vítima pedem indenização por dano moral, ressarcimento das despesas de funeral e pagamento de pensão.

“O Estado é responsável pelos danos causados a terceiro decorrentes da troca de tiros entre policiais e criminosos quando não for capaz de comprovar a existência de outra causa apta a produzir o dano que não a conduta estatal”, afirmou Aras.

O procurador-geral ressaltou que a ausência de uma perícia conclusiva para identificar a origem do disparo que atingiu a vítima, por si só, “não afasta o dever estatal de reparar os danos causados”, principalmente nos casos em que a investigação criminal não foi concluída.

“A perícia inconclusiva acerca da autoria dos disparos de arma de fogo que resultem em morte durante operações policiais ou militares em comunidade é apta a caracterizar a responsabilidade civil estatal em relação ao dano, uma vez que, nesse contexto, é do Estado o ônus da prova da existência de causa independentemente da sua conduta capaz de gerar o resultado”, declarou o procurador-geral.



📲 Baixe agora o aplicativo oficial da BRADO
e receba os principais destaques do dia em primeira mão
O que estão dizendo

Deixe sua opinião!

Assine agora e comente nesta matéria com benefícos exclusivos.

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar nesta matéria!

Carregar mais
Carregando...

Carregando...

Veja Também
Marcha para Jesus reúne milhões em São Paulo
Por volta das 13h ela chegou à praça Heróis da Força Expedicionária, onde foi montado um gigantesco palco.
Lira deu cargos em estatal para irmão e mulher de assessor investigado, diz jornal
Cargos da direção da Companhia Brasileira de Trens Urbanos estão sob domínio do presidente da Câmara
Aeroporto de Salvador é notificado após problema em iluminação de pista afetar 45 voos
Sem a luz, aeronaves não puderam decolar ou pousar por cerca de 12 horas
Governo Lula vive pior momento da relação com Congresso, segundo pesquisa
Dificuldade do governo envolvendo votação da MP dos Ministérios na Câmara reforça cenário
Reforma tributária deve ser votada até 10 de julho, diz líder do governo
Deputado José Guimarães afirma que aprovação do texto na Câmara é prioridade absoluta: ‘Estamos no caminho certo’
Carregando..